15 de fev de 2013

O Elefante e o Escorpião

Um dia, estava o Escorpião à beira de um riacho, calado e acabrunhado.

O Elefante se aproximou, e solidário perguntou:
- "O que tens, Escorpião, com essa carinha tão cabisbaixa?"

O Escorpião respondeu:
- ˜Queria atravessar esse riacho... Mas não sei nadar...''

O Elefante, em gigante generosidade disse:
- "Não seja por isso, suba às minhas costas, que eu te levo até lá. Mas prometa-me, que não vai me ferroar?"

- "Prometo, claro que sim". Respondeu um escorpião feliz, subindo nas costas do Elefante.

Em quatro passadas já estavam do outro lado.

O Elefante, baixou a tromba até o chão, para o Escorpião descer.

Ao descer, já na altura do meio dos olhos do Elefante, ele desceu a sua calda elegantemente, introduzindo seu ferrão venenoso na carne dura do Elefante, e disse:
- "Desculpe-me Elefante, eu não queria te ferir, mas é da minha natureza... Entende?"


E o Elefante, em olhar triste, não teve tempo nem de responder.

Precisa dizer mais alguma coisa?

CHEERS